terça-feira, 11 de outubro de 2011

CSUs terão Escola Aberta de Inclusão Digital


Como parte da proposta de reestruturação dos Centros Sociais Urbanos, no que diz respeito ao estabelecimento de novas parcerias, a Secretaria de Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza (Sedes) e o Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) apresentarão a Escola Aberta de Inclusão Sócio Digital, a partir das 9h30, na próxima quinta-feira, 13, no auditório da Serpro.  

Promovida pela Coordenação de Ações Intersetoriais (CAIS) da Superintendência de Assistência Social (SAS), a reunião de alinhamento tem como objetivo viabilizar o programa nos CSUs da Capital e Região Metropolitana, beneficiando 480 jovens.

A Escola Aberta tem por objetivo capacitar e preparar jovens em situação de vulnerabilidade social, moradores da comunidade selecionada, para desenvolverem habilidades, a partir do uso do computador, que lhes propiciem o acesso ao conhecimento para geração de renda e o exercício da cidadania. O jovem contará com uma capacitação de cerca de 720 horas, com certificação que permitirá sua atuação no mercado de trabalho.





Nenhum comentário:

Postar um comentário